Após novo decreto, Exército vai definir em 60 dias quais armas cidadãos vão poder comprar

Os comentários são via Facebook, e é preciso estar logado para comentar. Os comentários são inteiramente de sua responsabilidade.

Comentários no Facebook