Rajadas de metralhadora são ouvidas em presídio que abriga líder do PCC

Moradores da região do presídio federal de Porto Velho, na BR-364, ficaram apavorados na noite desta terça-feira (05) ao ouvirem dezenas de rajadas de tiros de armas de grosso calibre.

O presídio federal fica localizado a 48 quilômetros da zona urbana da capital e hospeda presos perigosos, sendo o mais recente, o “Marcola”, apontado como líder do PCC. Desde o mês passado, a área está protegida pelo Exército Brasileiro, com militares fortemente armados.

Nesta noite, após denúncia de sitiantes de que estava ocorrendo um tiroteio na região do presídio, o Rondoniaovivo entrou em contato com o General José Eduardo Leal  – Comandante da 17° Brigada de Infantaria de Selva, que confirmou os disparos.

De acordo com General, durante a GLO – Garantia da Lei da Ordem, os militares realizam treinamento com munição real no stand de tiros do presídio. Outras instruções ainda devem ocorrer enquanto durar a GLO.

J1 Notícia – Autorizado Rondônia Ao Vivo

Os comentários são via Facebook, e é preciso estar logado para comentar. Os comentários são inteiramente de sua responsabilidade.

Comentários no Facebook